A agência

A história da agência

A agência CoBe reúne as profissões de arquitecturade planeamento urbanodo paisagemdo gestão do sítio e a desenho.

Integra nas criações que concebe a capacidade de corrigir rupturas, de criar novas ligações, de olhar para o futuro através das suas competências interdisciplinares, com benevolência e confiança.

Fundada em 2002 por arquitectos e projectistas Alexandre Jonvel, Raphaël Denis e Martin Lemerre, CoBe adicionou um parceiro paisagístico, Luc Monéger em 2010 e um director técnico associado, Fabrice Taillandier em 2017. Em 2021, o CoBe irá alargar ainda mais o seu âmbito de actividades, celebrando a abertura do seu centro de design.

Desenhar a cidade significa libertar espaço, optimizar a sua utilização, reciclagem e reutilização. Incluimos esta visão em todos os projectos, desde as primeiras ideias, desde os primeiros esboços. A nossa visão pensa na ligação, considera a paisagem dentro da paisagem, a cidade dentro da cidade.

Em Paris, Porto, Lisboa, Bordéus, CoBe envolve-se com tantos dos territórios que rodeiam estas cidades, todos reclamando uma história, uma cultura singular, um tom de paisagem, uma prática de arquitectura e construção, um modo de vida dos seus habitantes.

O CoBe é enriquecido pelo contexto dos seus projectos, partilha as suas experiências para enriquecer a sua prática. A agência constrói a sua metodologia de trabalho com os seus parceiros e clientes a partir deste ângulo, o da responsabilidade, da escuta e da co-construção.

Este é o significado do compromisso dos 80 empregados que compõem as equipas multidisciplinares do CoBe. Equilibrar, criar, proteger, enriquecer e projectar elos, criando espaços mais coerentes, mais criativos e mais justos para o bem comum.